LIVRO DE MEMÓRIAS

NOTA DE FALECIMENTO E PESAR

Prezados colegas da Companhia de Artilharia 6554,

É com profunda tristeza e consternação que comunico o falecimento do nosso camarada ex. combatente da Cart 6554, António Nogueira " Menino Branco", ocorrido no final da tarde de hoje quarta-feira, 05 de Janeiro de 2022.

Perante uma tragédia como esta, fica apenas a perplexidade de perceber que a vida é mesmo um sopro. Partiu um amigo o nosso querido "Menino Branco" de forma inesperada e meu coração está destroçado.

Era um ser humano maravilhoso, amigo do seu amigo, fiel e verdadeiro.

Os ex combatentes e camaradas do "Menino Branco"enviam os mais sentidos pêsames a toda a família!

Última homenagem ao "menino Branco" descansa em paz
Última homenagem ao "menino Branco" descansa em paz

NOTA DE ÓBITO

NOTA DE FALECIMENTO

Até um dia, Nosso Comandante:-Pedro Alves Martins

É com profunda tristeza que no dia 10 de Agosto do ano 2019, tivemos conhecimento do falecimento do Comandante da Companhia de Artilharia 6554, Pedro Martinho de Lima Alves Martins.

Seu carisma e alegria serão sempre lembrados. Hoje dizemos adeus a uma pessoa maravilhosa que sempre foi um exemplo de respeito e amizade, que encheu nossas vidas de alegria e segurança sem forçar a sua presença.

Sua marca jamais será apagada, passe o tempo que passar, e a memória do Homem que foi fará parte da nossa vida.

Esta é uma mensagem de despedida, mas é também um momento para recordarmos uma pessoa muito especial que já não está entre nós. Vá com Deus e descanse em paz.

A saudade e as lembranças que deixou junto de todos os familiares, amigos e militares, serão eternas.

HISTÓRICO MILITAR

Pedro Martinho de Lima Alves Martins

Capitão Miliciano de Infantaria, Comandante da Companhia de Artilharia 6554 "OS INTEMERATOS" serviu Portugal na Província Ultramarina de Angola, no período de 12 de Março de 1974 a 29 de Junho de 1975.

Brevíssima resenha castrense:
Em 12Fev1973, aspirante-a-oficial miliciano de infantaria da EPI-Mafra, graduado em tenente e colocado na Região Militar de Angola para efeitos de tirocínio;

Em 24Abr1973 regressado à Metrópole e colocado no RI1-Amadora;

Em 11Mar1974, tendo sido mobilizado pelo RAL5-Penafiel para servir Portugal na Província Ultramarina de Angola, embarcou no AB1-Figo Maduro em vôo TAM 'Boeing-707' rumo à BA9-Luanda, como comandante da CArt6554/73;

Em 21Set1974 graduado no posto de capitão miliciano;

Em 29Jun1975 regressou à Metrópole.

Paz à sua Alma.

Memórias de José Andrade